Category Archives: Alternativa

Hoje há minorias

Timor-Leste – o primeiro filho do século XX – treme mais que nunca. Curiosamente na mesma altura chega o segundo filho, o Kosovo. Aproveitemos o primeiro dia de vida da nova república para olhar puzzle da minorias.

Para ajudar à leitura, um link para a lista de todas as minorias europeias (não se espantem se virem na lista os alemães – para todos os efeitos são uma minoria europeia) e outro link para a página de entrada no portal das Nações sem Estado e das minorias europeias: o Eurominority.

Anúncios

Preto e branco mas também cinzento

Em Janeiro de 2007, dizia-se que o Google com fundo preto ajudaria a poupar energia. Depois de muita discussão e alguns estudos, chegou-se à conclusão que o mundo até era capaz de gastar mais se o Google fosse a preto.

google.png blackle.png  greygle.png 
Google                        Blackle                       Greyle

darkoogle.png   greenergle.png   earthle.png 
Darkoogle                 Greenergle                    Earthle

A máquina acordou

É a notícia do ano! Milhares de velhas t-shirt’s e camisolas com um Che Guevara estampado vão, em breve, sair do armário. A convocatória para esta inédita acção foi publicada hoje (também) no JN…    😉

A primeira (e para já única) manifestação realiza-se no vale de Coachella, Califórnia, Estados Unidos, a 29 de Abril de 2007. O dia do orgulho da t-shirt com o ícone da Revolución  está a dividir os analistas. Assumem que não há nenhuma relação directa entre o regresso dos Rage Against the Machine aos palcos e a iminência da morte de Fidel Castro. Mas admitem que a raiva cuspida pela máquina pode gerar uma verdadeira pandemia. “Imagine o que seria do mundo se agora todos os cantores e músicos começassem a alertar para a falta de liberdade nas nossas vidas”, declarou fonte diplomática ligada ao G7.

Outros observadores internacionais já sublinharam que a saída à rua de milhares de camisolas empoeiradas, com cheiro a mofo, rasgadas e esquecidas, pode desencadear profundas alterações políticas no horizonte próximo.

“De cada vez que Tom Morello toca numa corda de guitarra, há no mundo um fascista que morre”, explica um membro do Wake Up, um think tank internacional que se dedica ao estudo e mapeamento de famílias em risco.

“A direita já sofreu bastante com esta banda. Enquanto a máquina foi cuspindo raiva, os republicanos americanos nunca chegaram ao poder”, lembra.

Para ouvir e ver por que é que os
Rage Against the Machine são
considerados terroristas… Continuar a ler

Chomsky, a besta e a cadeia Wal-Mart

Noam Chomsky numa troca e-mails com a revista “The Beast”. O resultado é uma curta e divertida entrevista sobre coisas sérias publicada na edição n.º 113, relativa a Janeiro. Excertos:

noam-chomsky-copy.jpgThe Beast: Por que odeia a América?
Chomsky: […] Um princípio fundamental do totalitarismo é o de que o Estado se identifica com o povo, com a cultura, com a sociedade. Para os que adoptam tal princípio, a crítica do Estado é o mesmo que odiar o país. Na antiga União Soviética, por exemplo, os dissidentes eram condenados como “anti-sovietes” ou “inimigos da Rússia”, porque condenavam as políticas do santo Estado. […]

The Beast: Parece ter uma grande consideração pelo intelecto humano e no passado já assinalou as enormes capacidades que pessoas ‘normais’ demonstraram simplesmente comunicando na mais plana das linguagens. Dito isso: já alguma vez foi à Wal-Mart?
Chomsky: Com certeza. Levei lá os meus netos (…). Era o mais próximo, e também o mais barato. 

Também no número de Janeiro (para quem gosta de rankings), a revista escolhe as 50 personalidades norte-americanas mais repugnantes de 2006.
Continuar a ler