A verdade das 935 mentiras sobre a guerra no Iraque

Muitos dirão que a careca foi descoberta há muito – e que não haverá capachinho que tape tão grande buraco. Mesmo assim há quem ainda não se dê por satisfeito (ainda bem) e queira tirar a prova dos nove aos argumentos que justificaram a invasão do Iraque pela força internacional liderada pelos Estados Unidos. O contributo mais recente vem da organização não governamental Center For Public Integrity (CPI), nos EUA, que acaba de publicar as suas contas: depois de investigar a fundo múltiplas declarações feitas ao longo de meses (desde o 11 de Setembro de 2001 até ao início da invasão) e prestadas por oito responsáveis da Casa Branca (o Presidente Bush e sete acólitos), o CPI contabilizou 935 declarações que considera serem falsas. O CPI dedica-se ao jornalismo de investigação em torno de questões de interesse público e, entre os diversos documentos agora publicados, encontra-se o quadro que se anexa e que apresenta a distribuição mensal dos argumentos falsos invocados pela administração norte-americana.

warcardchart.jpg
(clique no quadro para aumentar)

Vale a pena dar um salto ao site e ler mais.

One response to “A verdade das 935 mentiras sobre a guerra no Iraque

  1. Pingback: Arrastão: O polígrafo de Bush

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s